Blog

Apagão: atraso em regulador de tensão desencadeou sequência de falhas, afirma ONS

Picture1

Durante uma audiência pública realizada na Câmara dos Deputados nesta terça-feira (29), o diretor-geral do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), Luiz Carlos Ciocchi, afirmou que o apagão que atingiu 25 estados do Brasil e o Distrito Federal em 15 de agosto teve origem no atraso de resposta de um regulador de tensão em uma usina de energia – o equipamento é essencial para a manutenção da estabilidade do fornecimento elétrico.

Segundo Ciocchi, o dispositivo apresentou um comportamento distinto do necessário para a situação. “O tempo que demorou para [o equipamento] entrar em ação, que deveria ser de 20 milissegundos, foi maior. Estava na casa de 50, 80 milissegundos”, afirmou.

Ainda de acordo com o diretor, essa situação desencadeou uma sequência de falhas em todo o país, culminando na crítica escassez de fornecimento elétrico vivenciada pelo Sistema Interligado Nacional (SIN). O apagão interrompeu mais de 22 mil MW de energia e chegou a durar até 8 horas em algumas regiões, afetando cerca de 29 milhões de brasileiros. A exceção foi o estado de Roraima, que ainda não está incluso no SIN.

Em seu site, o ONS disponibilizou a apresentação técnica feita pelos profissionais do Operador na 1ª reunião realizada com agentes do setor para iniciar o processo de elaboração do Relatório de Análise de Perturbação (RAP). 


Fonte: Revista o Setor Elétrico

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Olá! Nós utilizamos cookies para analisar e personalizar conteúdos e anúncios em nossa plataforma e em serviços de terceiros. Ao navegar em nosso site, você nos autoriza a coletar e usar essas informações.